BVRio e CDP publicam versão chinesa do “Guia prático para a análise do atendimento ao Código Florestal”

BVRio e CDP publicam versão chinesa do “Guia prático para a análise do atendimento ao Código Florestal”

Publicado em

Beijing, 13 Março 2018 – Hoje, BVRio e CDP publicaram a versão chinesa do “Guia prático para a análise do atendimento ao Código Florestal”. O guia tem como objetivo de ajudar os compradores chineses de commodities florestais e agrícolas a verificarem o atendimento ao Código Florestal brasileiro nas suas cadeias de suprimento. A versão original do guia foi desenvolvida por BVRio, Proforest e IPAM, sob a égide do Observatório do Código Florestal. A versão chinesa foi traduzida por BVRio e CDP, com apoio de NORAD.

O Código Florestal Brasileiro (Lei 12651/2012) é uma ferramenta essencial para assegurar agronegócios de alto padrão e para alcançar o desenvolvimento sustentável no Brasil. Estabelece critérios para uso do solo e conservação da vegetação nativa em propriedades rurais. Por exemplo, um dos requisitos criados pelo Código Florestal Brasileiro é que todas as propriedades rurais no país mantêm uma certa quantidade de terra sob vegetação nativa – chamada Reserva Legal – que pode chegar até 80 % da terra na região amazônica. A aplicação desta lei criaria um dos mecanismos domésticos mais poderosos para evitar o desmatamento e proteger as florestas naturais.

Os mercados de commodities agropecuárias e florestais brasileiras têm um papel fundamental na implementação da legislação ambiental brasileira, e por conseguinte, na redução do desmatamento. Ao exigir conformidade ambiental aos produtores de commodities, o setor privado pode fornecer um forte impulso para a transição dos setores florestal e agrícola no sentido da sustentabilidade e da legalidade. Além disso, exigir o cumprimento da lei da parte dos seus fornecedores permitirá aos compradores chineses de demonstrar que os seus produtos derivam de fontes agrícolas sustentáveis e que não contribuem, por exemplo, ao desmatamento no Brasil. Com esse objectivo, o guia apresenta os instrumentos disponíveis para exigir o cumprimento do Código Florestal nas cadeias de suprimento.

 

SOBRE O OBSERVATÓRIO DO CÓDIGO FLORESTAL

Criado em maio de 2013, por 7 ONGs e hoje com 28 membros da sociedade civil, o Observatório do Código Florestal tem como objetivo monitorar a implementação da nova Lei Florestal em todo o país, na tentativa de mitigar os aspetos negativos do novo Código e evitar novos retrocessos. Além de gerar dados, informações e análises, promover a transparência e aumentar o potencial de debates informados sobre o novo Código Florestal dentro da sociedade, o Observatório tenta reunir e divulgar informações sobre a regularização ambiental das propriedades rurais no Brasil.

SOBRE BVRIO

Instituto BVRio é uma organização com o objetivo de criar e promover mecanismos de mercado para facilitar o cumprimento de leis ambientais e o desenvolvimento de uma economia verde. A Bolsa de Madeira Responsável da BVRio é uma plataforma de negociação de produtos florestais de origem legal ou certificada com possibilidade de gestão de risco e due diligence.  BVRio foi vencedora do prêmio Katerva Awards 2013 (Economia), nomeada Líder em Ação Climática pela R20 – Regions of Climate Action, e é parceira da Forest Legality Initiative, e é integrante do programa de Key Accounts do Forest Stewardship Council®.

SOBRE CDP

O CDP é um organismo internacional sem fins lucrativos que leva as empresas e os governos a reduzir suas emissões de gases de efeito estufa, salvaguardar os recursos hídricos e proteger as florestas. Votado pelos investidores como provedor de pesquisa climática número um e trabalhando com investidores institucionais com ativos de US $ 87 trilhões, alavancamos o poder do investidor e do comprador para motivar as empresas a divulgar e gerenciar seus impactos ambientais. A plataforma do CDP é uma das fontes mais ricas de informações sobre como as empresas e os governos estão gerando mudanças ambientais. CDP, anteriormente Carbon Disclosure Project, é um membro fundador da “We Mean Business Coalition”.

Imprensa

Cristina Tavares de Bastos
cristina.tavares@bvrio.org
+44 73 99297076